MOÇÃO DE REPÚDIO - Monitores/as do X COPENE

Nós, monitoras e monitores Negros’ do XCopene da Associação Brasileira de Pesquisadores(as) Negros(as) – ABPN, que tem como objetivo produzir e auxiliar na construção e andamento do congresso de pesquisadores negros, repudiamos por meio desta nota as atitudes que foram direcionadas à equipe de monitores.

Pedimos reparação, ressarcimento financeiro , moral, psicológico e afetivo diante dos seguintes fatos: Falta de infraestrutura, uma não recepção adequada, descaso com a produção acadêmica e científica de nós estudantes e pesquisadores, alocação em local insalubre que foi imposto aos monitoresª, excesso de trabalho impossibilitando a participação e construção acadêmica e científica do evento, além da ausência da compreensão do lugar de fala, pessoas brancas com espaços privilegiados dentro de espaço hierárquicos dentro de um congresso de pesquisadores Negros.

Diante disso o grupo de monitores e monitoras propõe a abertura da diretoria científica Juventudes Negras, de modo que apenas uma área não irá suprir a demanda que os jovens negros necessitam dentro do espaço da pesquisa. solicitamos valorização e publicação em edição especial na revista da ABPN, bem como uma das reparações e garantia que os fatos ocorridos não aconteçam novamente, e que tenham compromisso de não reproduzirem novamente as atitudes que foram citadas acima pensando na descolonização academicista, comprometendo-se com afeto emancipatório.


X COPENE, Uberlândia/MG, 16 de outubro de 2018.


MONITORES XCOPENE


ACESSE: https://998dd9a3-334b-44a6-a181-f9a4f97d5cf9.filesusr.com/ugd/45f7dd_680d5236bca8455dbd85d743e7f37db2.pdf

4 visualizações
  • Facebook
  • Instagram - Cinza Círculo
  • LinkedIn - círculo cinza

Contato:

WhatsApp: (34) 92000-8172

Email: contatoabpn@gmail.com

Endereço:

Casa de Cultura Graça de Axé, localizado na Avenida Cesário Crescerá, 4187 

Bairro Pres. Rossevelt, 38401-119 - Uberlândia - Minas Gerais - Brasil