Governo dos EUA premia brasileiro por luta contra intolerância religiosa: Babalawô Ivanir dos Santos

FOTO: Reprodução da internet

Babalawô Ivanir dos Santos é homenageado junto a ativistas de outros quatro países

O babalawô e doutorando em História da UFRJ Ivanir dos Santos recebe prêmio do Departamento de Estado do Governo dos Estados Unidos pela importância na luta contra a intolerância a praticantes de religiões de matriz africana no Brasil.

A Cúpula Internacional pela Liberdade Religiosa em Washington receberá, pelo segundo ano, membros de comunidades religiosas, sociedade civil, ministros e representantes de organizações internacionais para compartilhar melhores práticas, aprender com a diversidade de experiências e propor caminhos para avançar rumo a essa liberdade fundamental. Estudos acadêmicos continuam mostrando como a liberdade religiosa afeta uma nação: quando um povo está livre, o seu país ganha, a sua sociedade ganha, e as vidas das pessoas melhoram.

Ele é homenageado ao lado de outros cinco líderes – Mohamed Yosaif Abdalrahan, do Sudão; Iman Abubakar Abdullahi, da Nigéria; Pascale e William Warda, do Iraque; e Salpy Eskidjian Weiderud, do Chipre – pela contribuição às discussões relativas à liberdade religiosa. A cerimônia contará com a presença do secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo.

“Como bem sabemos, o racismo e a intolerância religiosa são os maiores desafios para construção de uma sociedade mais justa e igualitária, e no Brasil não é diferente. A intolerância religiosa vem crescendo cada vez mais no nosso país, e principalmente no Estado do Rio de Janeiro. Precisamos acreditar que é possível construir uma sociedade mais tolerante onde nossas diferenças possam ser nossos pontos de encontros e nunca de exclusão”, destacou.

Nascido e criado na comunidade da Mangueira, Ivanir é largamente reconhecido por sua luta pelo fim da discriminação religiosa no Rio de Janeiro. Ativista e acadêmico, ele dedica sua vida a incentivar e facilitar o diálogo inter-religioso, combater a intolerância e criar mecanismos para proteger grupos em situação de vulnerabilidade, como as religiões afro-brasileiras, que são o principal alvo de discriminação e violência religiosa no país. Entre suas diversas iniciativas pela equidade de direitos está a criação, em 2008, da Comissão de Combate à Intolerância Religiosa, uma organização independente que reúne representantes de diferentes grupos religiosos, sociedade civil, polícia e Ministério Público para documentar casos de intolerância a prestar apoio a vítimas. Duas décadas antes, Ivanir liderou também a primeira “Caminhada em Defesa da Liberdade Religiosa”, que hoje acontece anualmente reunindo cerca de 50 mil pessoas das mais diversas religiões que clamam por diálogo, entendimento e tolerância.

0 visualização

Contato

WhatsApp: (34) 92000-8172

Email: contatoabpn@gmail.com

logo padrão (PRETA) (1).png

Endereço

Casa de Cultura Graça de Axé, localizado na Avenida Cesário Crescerá, 4187 - Bairro Pres. Rossevelt, 38401-119 - Uberlândia - Minas Gerais - Brasil

  • Facebook
  • Instagram - Cinza Círculo
  • LinkedIn - círculo cinza

© 2023 por Associação Brasileira de Pesquisadores/as Negros/as. Criado com Wix.com

Site produzido por 

Matheus Borsato