appetizer recipes

nasi goreng

kue kering

resep kue

jadwal kereta api

jadwal liga champion

cara menghilangkan bekas jerawat

jenis anjing

Últimas notícias

Colóquio Internacional: O Afro Contemporâneo nas Artes Cênicas acontece em São Paulo

 

O Colóquio Internacional: O Afro Contemporâneo nas Artes Cênicas - Perspectivas Teóricas, Poéticas e Pedagógicas acontece do dia 31 de março a 02 de abril no Instituto de Artes da Unesp de São Paulo. O foco do evento está nos fazeres e saberes vinculados à diáspora africana. Além, de discutir conexões entre as artes cênicas contemporâneas e as questões que permeiam a cultura negra e sua diáspora.

Entre os convidados estão: Patrick Acogny, Brenda Gottschild e Thomas DeFrantz. O Colóquio pretende divulgar e confrontar relatos e análises que surgem de diferentes experiências históricas, âmbitos e países. Também, quer contribuir para a renovação artística e pedagógica de forma a aprofundar e ampliar a contribuição africana e afro-brasileira aos processos contemporâneos de criação cênica e educação artística.  

 Até o momento, há 5 grupos de trabalho (GT’s) aprovados. Pesquisadores interessados em enviar comunicações para os mesmos devem mandar por e-mail, contendo título, resumo, palavras-chaves e mini-currículo. Email: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. . O prazo final para envio é até dia 10 de fevereiro.

Para acompanhar a programação completa e saber mais informações sobre os grupos de trabalho, visite o blog: http://coloquioafrocontemporaneo.blogspot.com.br/ 

Foto: Divulgação do espetáculo Áfricas 

Foi escolhida a Rainha do Ilê Aiyê - Beleza Negra do Carnaval 2015

Alexandra Amorim concorria pela quarta vez 

A escolhida para o título de Rainha do Ilê Aiyê 2015, a Beleza Negra do Carnaval 2015 em Salvador, é a baiana do bairro de Itapuã, Alexandra Amorim, 33 anos, professora de Educação Física, que estava concorrendo pela quarta vez. Para ela, os fatores determinantes dessa conquista foram perseverança, saber dançar, simpatia e a consciência de ser negra.

O presidente da instituição, Vovô, lembrou que a eleição da Deusa do Ébano é uma das principais ações afirmativas do Ilê. “Vivemos numa terra muito racista, então fazer uma festa com essa estrutura é uma grande conquista. Fico triste com alguns setores nossos que ainda têm o ranço da escravidão mental. Mas hoje a noite é de festa e estamos preparados para fazer um grande Carnaval”, afirmou. O desfile das candidatas teve figurino de amarrações afro assinado pela estilista do Ilê Aiyê, Dete Lima.

O segundo lugar foi para a manicure Larissa Oliveira, 21 anos, do bairro de Cajazeiras, e o terceiro para universitária Milena Sampaio, 30 anos, do Cabula. 

FILMES DE MOÇAMBIQUE, GUINÉ-BISSAU E ANGOLA SÃO EXIBIDOS NO BRASIL

 

Filmes de Moçambique, Guiné-Bissau e Angola são exibidos no Brasil 

De 11 a 16 de fevereiro, o Centro Cultural do Banco do Brasil celebra o cinema dos países africanos de língua portuguesa, com a exibição gratuita de produções vindas de Moçambique, Guiné-Bissau e Angola. A selecção integra nove filmes, divididos em três sessões por dia.

“Vidas em Português: Mostra de Filmes Africanos Lusófonos” traça um panorama da filmografia africana que utiliza a língua portuguesa como idioma e faz uma reflexão sobre os laços entre o Brasil e estes países. Filmes premiados figuram na seleção, como “O Grande Bazar”, “Hóspedes da Noite”,“Nha Fala” e “Virgem Margarida”.

Os filmes descrevem desde o feminismo, visto nas cenas de “O Jardim do Outro Homem”, em que as mulheres enfrentavam dificuldades para construir um futuro melhor por meio da sua educação, até atos de corrupção cometidos por um jovem angolano em “O Grande Kilapy” - estrelado pelo brasileiro Lázaro Ramos.

Foto: Cena do filme moçambicano "Virgem Margarida" do realizador Licínio de Azevedo.

 

Ilhéus: Seminário discute inclusão da História e Cultura Afro na rede municipal

A Prefeitura de Ilhéus, por meio da Secretaria Municipal de Educação, em parceria com o Conselho Municipal de Educação, Direc 6, APPI (Associação dos Professores Profissionais de Ilhéus), UNCME (União dos Conselhos Municipais de Educação) e Movimento Negro Unificado (MNU), discutiu, nesta quinta-feira, 22 de janeiro, a efetivação da Lei federal número 10.639, de 2003, que trata da inclusão no currículo escolar de conteúdos acerca da “História e Cultura Afro-Brasileira e Indígena”. O evento foi iniciado pela manhã, com a palestra sobre a “Diáspora Africana”, ministrada pelo professor universitário Flávio Gonçalves, e seguiu durante a tarde com mesas redondas temáticas.

Segundo o professor Flávio Gonçalves, do departamento de História da Universidade Estadual de Santa Cruz, a chegada dos africanos ao Brasil trouxe à formação cultural do País inúmeras características e aprender sobre essas contribuições se faz necessário para que os estudantes e a sociedade tenham a noção da grandeza da história vinda da África e disseminada por aqui.

Programação – Durante a manhã, os participantes do seminário (professores, diretores de escolas e estudantes) ouviram a palestra “Diáspora Africana”, ministrada pelo professor Flávio Gonçalves. Durante a tarde, os trabalhos começaram às 16h20min, com a palestra sobre “Experiências de Sucesso da Lei 11.645/08”. Ainda à tarde, houve plenárias temáticas com discussões diversas: “Como desenvolver uma educação antirracista, “Direitos humanos e diversidade”, “Mitologia africana e dessatanização dos orixás”, “Sexualização” e “Conselho Municipal de Educação”.

 

SEPPIR divulga resultado de processo seletivo para consultor(a)

A Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (SEPPIR) torna público o resultado de Edital referente à contratação de pessoa física, em caráter de consultoria especializada. Com o objetivo de realizar compilação e sistematização de dados sobre o conceito de Povos Tradicionais de Matriz Africana, o órgão informa que foram classificados José Pedro Neto, em primeiro lugar; e logo após, Ana Stela Cunha. O primeiro classificado deve apresentar, até o dia 28 de janeiro, documentos para fins de comprovação da experiência. Caso não atenda às exigências de habilitação, será chamada a segunda colocada.

Conforme o item 5, do anexo II do Edital, foram considerados apenas os candidatos que obtiveram 70% da nota. Assim, ao final do processo, duas pessoas foram classificadas, sendo selecionada a que obteve nota maior. Os materiais a serem sistematizados foram produzidos a partir de 2011, e abordam o conceito de Povos e Comunidades Tradicionais de Matriz Africana, bem como as relações desse segmento com o Estado brasileiro, na perspectiva do acesso às políticas públicas e ações de combate ao racismo.

Realizada no âmbito do “Projeto BRA/13/020 – Apoio ao desenvolvimento sustentável dos povos e comunidades negras tradicionais”, a seleção é resultado de parceria entre a SEPPIR e o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD).

Para mais informações, clique aqui

Copene

Saiba mais sobre os eventos do COPENE.

 

Leia mais...

NEAB

A rede nacional de NEABs ou chamada Consórcio de NEABs e a ABPN sugiram da mesma conjuntura histórica,

Leia mais...

Catálogos

Conheça os catálogos da ABPN organizados em produções acerca da temática

Leia mais...

Relatórios